#72 – O Lutador (2008)

Amor. Dor. Glória.

Amor. Dor. Glória.


“O Lutador” me fez gostar um pouco menos de “Cisne Negro“.
Ambos os filmes são de Darren Aronofsky e me lembro claramente dos pôsteres de “O Lutador” no Belas Artes, embora não me recorde das críticas da época. Provavelmente não causou tanto burburinho quanto o Cisne, pois nem mesmo no auge das polêmicas geradas pelo filme que deu o Oscar a Natalie Portman encontrei nenhuma comparação entre os dois longas. O ponto é que o lutador de Mickey Rourke é tão desajustado quanto a bailarina de Natalie. São personagens obsessivos, cheios de conflitos internos e que se envolvem com suas carreiras de maneira um tanto doentia.
As duas histórias parecem contadas a partir da mesma fórmula: no início, um dia como qualquer outro. Depois um evento bombástico que muda tudo. O protagonista então luta contra seus próprios demônios e por fim faz um grande sacrifício em nome do show – e de sua obsessão.
São duas histórias que considero bem contadas, mas sabendo que “O Lutador” foi feito primeiro, não consigo deixar de achá-lo mais legal, já que desta forma o Cisne parece ser só o lado feminino da mesma moeda.
Outro pensamento que me ocorre é a relação entre Rourke, Bukowski e o universo das lutas.
Talvez Bukowski tivesse gostado de assistir “O Lutador”.
Lutas e apostas são elementos que aparecem com frequência na obra do Velho Safado e, em 1987, ele conheceu Rourke durante as filmagens de Barfly. O ator, que na época vivia um excelente momento na carreira, em seguida abriu mão do estrelato para ingressar nos ringues, enfrentou um período de decadência, fez personagens menores em alguns filmes, até ter sua atuação neste filme multipremiada.

[mais]

Foi indicado a dois Oscars: melhor ator e melhor atriz coadjuvante. O longa recebeu muitos prêmios, inclusive o Bafta e o Globo de Ouro de melhor ator para Mickey Rourke e o Leão de Ouro do Festival de Veneza.

Título Original: The Wrestler
Origem e Ano: EUA e França, 2008
Direção: Darren Aronofsky
Roteiro: Robert D. Siegel
Gênero: Drama
Figurino: Amy Westcott
Música: Clint Mansell

No IMDB.
No Adoro Cinema.
No TorrentButler.

Um comentário sobre “#72 – O Lutador (2008)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s