#79 – En Puntas

inpuntas

Uma das imagens e divulgação do vídeo.

Este foi um dos vídeos mais impactantes que assisti nos últimos tempos. Os três minutos e meio se alongam na agonia de ver a bailarina Amélie Segarra dançando sobre as facas.

De acordo com o release do vídeo “a bailarina aparece como uma figura misteriosa, expressão de esforço, sacrifício e dor em seu empenho para a perfeição”, e é mais agoniante do que qualquer sequência do Cisne Negro.

As outras obras do espanhol, disponíveis em seu perfil no Facebook, também possuem este aspecto sombrio.

[mais]

Infelizmente não encontrei uma ficha técnica mais completa do vídeo, mas lá vão as informações disponíveis:

Título Original: En Puntas
Origem e Ano: Espanha, 2013
Direção: Javier Perez
Gênero: Performance

Filme:

En Puntas

Foto de uma instalação com as sapatilhas utilizadas por Amélie no vídeo.

Perfil de Javier Pérez no Facebook.
Site oficial do artista.

Distribuição sob licensa CC BY 3.0.

#69 – Luz (Curta)

Material para a ação; Mapas, cartazes e adesivos.

O Projeto Nova Luz, em São Paulo, em um primeiro momento pode parecer uma grande ideia – revitalizar a região que, há muitos anos, ficou conhecida como Cracolândia – os arredores das estações Luz e Júlio Prestes, os bairros dos Campos Elísios, Bom Retiro, Luz e Santa Ifigênia. Todavia, os moradores e comerciantes do local, por meio de protestos que viraram notícia mais de uma vez, desmascararam uma realidade muito diferente do que o marketing da prefeitura nos mostra – basicamente que a intervenção no local para que haja uma “revitalização” é uma farsa, pois há muita vida, muitos moradores e comerciantes que estão lá há décadas e terão que abandonar seus lares e estabelecimentos em nome da elitização da região. Neste caso, não apenas o patrimônio histórico está ameaçado, mas também um patrimônio humano, social, que está sendo ignorado em favor dos interesses de construtoras, demolidoras e politicagens.
A urbanista Raquel Rolnik, que também participou do curta que estou postando hoje, informou ontem em seu blog que foi deferida a paralização do Projeto, justamente por não considerar a participação popular em sua elaboração.
Eu realmente desejo ver a Luz perder o estigma de Cracolândia, mas não acredito em decisões políticas impositivas como a que baseava a Nova Luz.

Luz:

LUZ | subtitulado from Left Hand Rotation on Vimeo.

[mais]

Título Original: Luz
Ano: 2011
Gênero: Documentário
Música: “Saudosa Maloca”, Adoniran Barbosa (1951).

No Ficha do Curta (texto de Raquel Rolnik em espanhol).
No Projeto Nova Luz – Site oficial.

#32 – Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos

Poster original.

Para começar setembro em grande estilo, vou com “Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos”, que eu estava salivando há anos pra assistir.
Uma pena que baixei o filme e não estava com um qualidade muito boa, mas como pretendo colecionar os filmes do cineasta – que é um dos meus preferidos – em breve será revisto com a qualidade de imagem adequada às fabulosas ‘cores de Almodóvar’.
Mas independente da qualidade do meu arquivo, o filme é excelente, muito divertido – tem aquela composição visual fascinante e aquele humor nonsense característicos do Almodóvar, e além disso a protagonista é Carmen Maura, que eu simplesmente adoro.
Se hoje a Penélope Cruz é considerada a musa do diretor, o que posso dizer sobre os nove filmes nos quais ele trabalhou com a Carmen?
E por falar na Penélope, é bem interessante reconhecer em “Mulheres” as cenas de “Garotas e Malas”, que é o filme dentro de “Abraços Partidos“.
A história começa com Pepa, a protagonista, aguardando uma ligação de Ivan, com quem terminou um relacionamento há uma semana. Com os desencontros telefônicos, ela acaba entrando em contato com personagens do passado de seu ex, enquanto uma amiga que se apaixonou por um terrorista a procura pedindo abrigo.
Foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, e talvez tenha sido graças a esta indicação que o nome de Almodóvar ficou conhecido mundialmente.

[mais]

Encontrei esta coleçãozinha de cenas do filme enquanto buscava um poster.

Título Original: Mujeres al borde de un ataque de nervios
Origem e Ano: Espanha, 1988
Direção: Pedro Almodóvar
Roteiro: Pedro Almodóvar
Gênero: Comédia
Figurino: José María De Cossío
Música: Bernardo Bonezzi

No IMDB.
No Adoro Cinema.

#03 – Abraços Partidos

Poster espanhol.

Enquanto “Má Educação” foi o primeiro Almodóvar que assisti, “Abraços Partidos” foi o último – faz MUITO tempo que não vejo nada dele, mas já estou providenciando alguns.
Vi “Abraços Partidos” em 2009, no Belas Artes (Consolação – SP). Na época, a crítica enfatizou que o filme não era o melhor do diretor – mas mesmo assim é bom e tem algumas cenas impagáveis.
Particularmente, considero um filme bonito, tanto estéticamente quanto pela história contada em flashback, mas é claro que minha opinião deve ser considerada como audiência, não como crítica especializada.

[mais]

As roupas utilizadas por Penélope Cruz no filme são Chanel, marca da qual Almodóvar é declaradamente fã.
Direção: Pedro Almodóvar
Origem: Espanha
Gênero: Drama

No IMDB.
No Adoro Cinema.

#02 – Má Educação

La Mala Educación

Poster raro, em espanhol.

Decidi que o segundo filme teria alguma coisa em comum com o primeiro e, como em setembro estréia o novo de Pedro Almodóvar – La Piel que Habito – lembrei de “Má Educação”.
Se não me falha a memória foi o primeiro que vi com o Gael Garcia Bernal, protagonista de O Passado, e também o primeiro do Almodóvar, em 2006.

Vi este em casa, quando alugava dezenas de filmes por semana com minhas amigas em uma locadora chamada Start 94, na Santa Cecília (Alameda Barros, 104 – SP), que nem sei se ainda existe, pois nunca mais consegui ir para aquela região.

Entre as inspirações de Almodóvar para esta história estão os filmes noir e algumas lembranças pessoais, embora não seja um filme autobiográfico – o cineasta levou dez anos para desenvolver o roteiro.

[mais]
Título Original: La Mala Educación
Origem e Ano: Espanha, 2004
Direção: Pedro Almodóvar
Roteiro: Pedro Almodóvar
Gênero: Drama
Figurino: Paco Delgado e Jean-Paul Gaultier
Música: Alberto Iglesias

gaultier-maeducacao

Croqui de Gaultier para o exótico figurino de Gael Garcia Bernal

No IMDB.
No Adoro Cinema.